Artigo/Notícia

Conselho de Presbíteros abre agenda de reuniões neste dia 18

Reúnem-se hoje (18/02), por convocação do bispo diocesano, D. João Carlos Seneme, os padres membros do Conselho de Presbíteros da Diocese de Toledo. Esta será a primeira de quatro reuniões previstas para este ano de 2021 a fim de tratar dos assuntos ligados à Evangelização e ao desenvolvimento integral de nossa Diocese.

Este grupo é formado por padres convocados de acordo com um perfil determinado por estatuto próprio. Há os chamados membros natos, aqueles com funções essenciais dentro da organização da Igreja local; membros eleitos, aqueles que representam seus colegas padres dentro de contextos determinados (como os decanatos, por exemplo); e membros nomeados livremente pelo bispo diocesano de acordo com sua afinidade pastoral ou necessidade pontual da Igreja.

O QUE É O CONSELHO DE PRESBÍTEROS?

O Conselho de Presbíteros da Diocese de Toledo, segundo seu próprio estatuto, é constituído por um grupo de sacerdotes, representantes do presbitério, a quem cabe, de acordo com o Direito Canônico, ajudar o bispo no governo da Diocese, a fim de se promover ao máximo o bem pastoral da porção do Povo de Deus que lhe foi confiada (cf. CDC, c. 495).

O bispo ouve o parecer do Conselho de Presbíteros sobre os seguintes assuntos: 1°. Celebração de Sínodo Diocesano (cf. CDC, c. 461 § 1); 2°. Ereção, supressão ou modificação notável nas paróquias (cf. CDC, c. 515 § 2); 3°. Destinação das ofertas voluntárias e remuneração dos clérigos não-párocos, que exercem funções a eles confiadas (cf. CDC, c. 531). 4°. Definição da obrigatoriedade do Conselho Pastoral nas paróquias (cf. CDC, c. 536); 5°. Edificação de uma nova Igreja (cf. CDC, c. 1215 § 2); 6°. Redução de uma Igreja a uso profano (cf. CDC, c. 1222 § 2); 7°. Imposição de taxas e tributos (cf. CDC, c. 1263); 8°. Se necessário for, destituição de párocos (cf. CDC, c. 1742 § 1); 9°. Determinação da remuneração que o Pároco receberá de sua própria paróquia, com a qual ele possa obter uma honesta sustentação (cf. Legislação Suplementar da CNBB ao CDC, c. 538 § 3).

Compete ainda ao Conselho de Presbíteros cuidar especialmente do ministério presbiteral, fomentando a fraternidade entre os presbíteros seculares e religiosos, sua atualização teológica e pastoral, seu progresso espiritual e suas condições materiais de vida.

 

CONSELHO DE PRESBÍTEROS NA DIOCESE DE TOLEDO

 

Membros Natos

1- Pe. Hélio José Bamberg – Vigário-geral

2- Pe. André Boffo Mendes – Coordenador da Ação Evangelizadora

3- Pe. Lucimar Antônio Castellani - Reitor do Seminário Maior Maria Mãe da Igreja

4- Pe. Marcelo Ribeiro da Silva - Coordenador Diocesano da Pastoral Vocacional

 

Membros Eleitos

5- Pe. Vagner A. Alves - Coordenador da Comissão Diocesana do Clero (Pastoral Presbiteral)

6- Pe. Jauri Strieder – Decano de Rondon

7- Pe. André Fatega – Decano de Assis

8- Pe. Anderson Tomadon Sgarbossa – Decano de Palotina

 

Membros nomeados livremente pelo bispo diocesano

9- Pe. Geraldo Marino Ferreira

10- Pe. Luiz Carlos Franzener

11- Pe. Marcos Denck da Silva

12- Pe. Nelton Hemkemeier

13- Pe. Solano Tambosi